Inicio
História
Fale Conosco
+ Aumentar fonte
- Diminuir fonte
Ir para o conteúdo
 
 
 
Untitled Document
>Início >> A Cidade >>Dados do Municipio
 
Características
CEP: 48540-000
DDD: 075
Voltagem: 110
Distância da capital: 371 Km
Rodovias de acesso: BA-235 e BR-110
População total: 37.680 (Censo 2010)
População estimada 2014: 40.851 habitantes
Superfície: 4.656,276 Km² (atualizado IBGE 2010)
Densidade demográfica: 8,09 hab/km2
Distritos: Canché
Temperatura média: 24,0 ºC
Características econômicas: Agricultura (9º produtor baiano de manga). Na pecuária, destacam-se os rebanhos bovino (52.557 cabeças em 2010, maior rebanho do Território Semiárido Nordeste II), caprino (37.369 cabeças em 2010, maior rebanho do Território Semiárido Nordeste II), ovino (35.016 cabeças em 2010, maior rebanho do Território Semiárido Nordeste II) e leite de vaca (7.106 mil litros em 2010, 2ª. Maior produção do Território Semiárido Nordeste II) .

PIB 2009: 147.223 mil reais
PIB per capita 2009: 3.745,95 reais


Acidentes Geográficos
O município do Jeremoabo não possui um sistema orográfico definido. Não possui cordilheiras e sim algumas serras de pouca altitude e uma infinidade de montes e tabuleiros. A própria cidade-sede está rodeada pela serra do Cavaleiro ou serra da Santa Cruz, ao nascente, e a serra de Tomé Gomes ou Serra do Banguelo ao poente, que, começando à margem esquerda do Vaza-Barris, vai até as nascentes do rio Vermelho numa extensão de 14 quilômetros, protegendo assim a cidade de Jeremoabo dos fortes vendavais tão comuns na época de trovoadas. Além destas duas, encontramos a leste do município as serras seguintes: Serra do Jacú (10 km de extensão), a Serra do Poção (500 m de extensão), a Serra do Marancó (1000 m de extensão), a Serra da Licuritiba (12 km de extensão), e a Serra Negra (24 km de extensão) sendo que esta última serve de balisa natural entre os estado Bahia-Sergipe.
Na parte oeste encontramos: a serra do Canabrava (24 km de extensão e 250 m de altitude média), a Serra do Cocorobó (6 km de extensão), a Serra do Saguim (500 m de extensão) e a Serra Branca com altura média de 200 m e a Serra da Tapera com 100 m de altura média, principiando à margem direita do rio Vermelho e rumando a Serra do Tomé Gomes. Finalmente, ao sul encontramos a Serra da Aboboreira que começando à margem direita do Vaza-Barris, vai até encontrar-se com a Serra do Caritá perfazendo as duas uma extensão mais ou menos de 18 km.

Altitude, Relevo e Área
A altitude da sede municipal é de 275,1442 m, segundo chapa cravada pelo Conselho Nacional de Geografia no lado esquerdo do 1º degrau da porta principal da igreja matriz.
O relevo municipal caracteriza-se pela presença das seguintes formações: chapadas do Raso da Catarina, Tabuleiro Dissecado do Vaza-barris, Tabuleiro do Itapicuru e Pediplano do Baixo São Francisco.
Segundo dados do conselho Nacional de Geografia, a área é de 4.788 km², e possui uma densidade demográfica de 7,00 habitantes/km², isso em função da vasta extensão que corresponde a vegetação semiárida pouco habitada.

Clima, Solo e Vegetação
O clima de Jeremoabo é caracterizado como semiárido, predominantemente seco, com a temperatura média anual de 24ºC, máxima de 28,8ºC e mínima de 20,2ºC.
A pluviosidade anual registra uma média de 654 mm, máxima de 2.273 mm e mínima de 276 mm Tradicionalmente as chuvas acontecem nos meses de maio a julho. O risco de seca é considerado alto.
Apresentando variedades de solos em seu território, em Jeremoabo predominam os classificados como Areias Quartzozas álicas, Litólicos distróficos e seus equivalentes eutróficos, Bruno não Cálcico, Latossolo Vermelho-Amarelo álico, Podzólico Vermelho-Amarelo eutrófico e Planossolo Solódico eutrófico.
A vegetação característica do município é o Cerrado - Caatinga - Floresta Estacional, Contato Cerrado - Caatinga, Caatinga arbórea aberta sem palmeiras e sua equivalente com palmeiras e a Caatinga arbórea densa, sem palmeiras.
Registra-se no Município a ocorrência de ferro, manganês e salitre.
Estudos geológicos indicam que o município de Jeremoabo é formado por várias estruturas como: paraconglomerados, arenitos, folhelhos, micaxitos, conglomerados/brechas, grauvacas, metarenitos e depósitos fluviais.

Hidrografia e Linografia
Não foi pródiga a natureza, em se tratando de rios, para com o município de Jeremoabo. Dos rios que banham o município o principal é o Vaza-Barris ou Irapiranga do Gentio, que nasce na Serra da Borracha, no Estado da Bahia, em Monte Santo. Em seguida, vem o rio Vermelho, antigo rio Jeremoabo que, nascendo entre as Serras do Saco do Papel e Luiz Jacú, no lugar denominado Bebedor, distante duas léguas desta cidade, torna-se afluente do Vaza-Barris, pela margem esquerda, depois de percorrer, aproximadamente, uma extensão de 15 quilômetros. Registrando-se ainda os riachos do Cipó, da Cachoeirinha e das Barreiras.

População
Pessoas residentes - 34.916
Homens residentes - 17.786
Mulheres residentes - 17.130
Pessoas residentes - área urbana 14.764 habitantes
Pessoas residentes - área rural 20.152 habitantes
Fonte: IBGE, Censo Demográfico 2000 - Malha Municipal Digital do Brasil 1997
A ocupação do território é predominantemente rural, com 60,2% da população localizada no campo. Contudo, é importante salientar a taxa de urbanização vem se ampliando no período de 1970/1996 passando de 12,67% para 39,8%. Observa-se que, enquanto a população urbana, neste período, aumentou 270%, a população rural sofreu uma redução 22,4%.

Créditos da informações: http://www.jeremoabo.com.br/web/index.php/historia-e-informacoes/815-geografia
 
 
 
 
   
Prefeitura do Município de Jeremoabo/BA
Av. Dr. José Gonalves de Sá - Jeremoabo - BA
(75) 3203-2156 | contato@jeremoabo.ba.gov.br
©2017 - Todos os direitos reservados